quarta-feira, 16 de abril de 2014

"Facts" Licitação das linhas municipais de Mauá terá apenas uma empresa vencedora

Licitação de Mauá oficializa monopólio dos transportes. Cidade terá apenas um lote e não poderão participar consórcios, só empresas isoladas.
Ilustração: Grupo T.R.A.
ADAMO BAZANI – CBN
Mauá terá monopólio de transportes oficializado.
O edital de licitação do sistema da cidade prevê apenas um lote operacional em vez de dois, como anunciado pelo então secretário de mobilidade urbana, Paulo Eugênio Pereira, em audiência pública na Câmara no início do ano.
Além disso, para reforçar ainda mais o modelo monopolista de transportes, não podem participar consórcios para este único lote. Apenas empresas individualmente.

E pelos investimentos na compra de alguns ônibus novos e pelas instabilidades jurídicas em Mauá, que não despertam interesse de empresários de outras regiões, é grande a possibilidade de ficar sozinha na cidade a Suzantur, empresa de Claudinei Brogliato e Ângelo Roque Garcia.
Os dois são sócios na empresa, de acordo com dados extraídos nesta quarta-feira, dia 16 de abril de 2014, da Junta Comercial do Estado de São Paulo.

A família Garcia, por José Garcia Netto, o Netinho, controla o Banco Caruana que financia ônibus para empresários do ABC Paulista, como Ronan Maria Pinto e Baltazar José de Sousa.
Os dados sobre o banco também foram consultados nesta quarta-feira.
Em entrevista coletiva, o prefeito de Mauá, Donisete Braga, explicou em linhas gerais o edital que deve ser publicado nesta quinta-feira, dia 17 de abril de 2014, no Diário Oficial do Município.

O prefeito não mostrou coerência com o discurso que adotou em janeiro de 2013, época que a Viação Estrela de Mauá, fundada por Baltazar José de Sousa e assumida pelo ex executivo de Constantino Oliveira, David Barioni Neto, começou a operar o lote dois junto com a Leblon Transporte.
Na época, Donisete disse que Mauá poderia ter três ou mais empresas e que isso seria melhor para a cidade.

Após tirar a Leblon de circulação num polêmico descredenciamento por supostas consultas indevidas a dados da bilhetagem eletrônica, a prefeitura mudou completamente o discurso. A Viação Cidade de Mauá, de Baltazar José de Sousa, foi descredenciada pelo mesmo motivo, mas ainda opera boa parte das linhas do lote 01. Só a Leblon foi retirada.
Prefeito Donisete Braga e o secretário de Mobilidade Urbana Azor Albuquerque em coletiva. Foto: Roberto Mourão.
A Leblon já havia quebrado o monopólio na cidade que pertencia a Baltazar José de Souza, quando começou a operar na cidade em 2010. Na época, a empresa colocou todos os ônibus zero quilômetro, acessíveis para pessoas com mobilidade reduzida, com ao menos quatro câmeras de segurança cada e GPS com informação em tempo real para o passageiro pela internet.
Os serviços da empresa eram bem avaliados pela população. A Leblon pertence à família Isaak, do Paraná, que não faz parte do grupo de empresários que domina parte dos transportes do ABC, em especial em Mauá e Santo André.

Donisete disse nesta quarta-feira que uma empresa só é melhor para a Taxa Interna de Retorno, ou seja, mais lucro, para o empresário e que a concessão onerosa é mais vantajosa neste caso.
A explicação, no entanto, é contestável, já que existem modelos de concessão onerosa em frotas de igual porte ou menor que de Mauá que contam com mais de um grupo empresarial diferente.

Segundo o prefeito, a outorga mínima exigida será de R$ 5 milhões. A única empresa que vai operar na cidade terá de repassar 4% da receita bruta para o município.
A partir da publicação do edital, serão 45 dias para o recebimento das propostas e dois meses para as análises.
A frota deve ter 250 ônibus e ser zero quilômetro.

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes

+ informações futuramente!  

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

"Facts" Empresa de Blumenal já está pintando os ônibus que eram da Leblon Mauá

Cerca de 67 ônibus que operavam em Mauá foram para a empresa Nossa Senhora da Glória, de Blumenal - SC.
Marcopolo Viale Articulado Volvo B12M que eram da Leblon, estão recebendo a pintura padrão da cidade de Blumenal. Foto: Jaime Batista.
A empresa de ônibus Nossa Senhora da Glória, é responsável por 66% da frota dos ônibus do Consórcio Siga em Blumenau - SC. Recentemente, a empresa adquiriu cerca de 67 ônibus (41 convencionais, 15 micrões e 11 articulados, ano 2010) que eram da Leblon Mauá, empresa que operava o lote 02 das linhas municipais de Mauá.
Marcopolo Viale Articulado Volvo B12M, circulando pelas ruas da cidade no final do mês de março. Foto: Grupo T.R.A..
Marcopolo Viale Articulado Volvo B12M, circulando pelas ruas de Mauá no final do mês de março em direção a garagem. Foto: Grupo T.R.A..
Marcopolo Torino 2007 Volkswagen 17.230 EOD, fotografado em Tijucas do Sul - PR indo em direção a Blumenal. Foto: Windy Silva.
As primeiras informações sobre essa aquisição foi anunciada pelo Grupo T.R.A., em uma postagem na rede social Facebook e no blog T.R.A.:


Com o passar dos dias, surgiram novas fotos dos ônibus sendo pintados na empresa de Santa Catarina e outros esperando a funilaria:
Marcopolo Torino 2007 Volkswagen 17.230 EOD. Foto: Jaime Batista.
Marcopolo Torino 2007 Volkswagen 17.230 EOD. Foto: Jaime Batista.
Marcopolo Viale Articulado Volvo B12M. Foto: Jaime Batista.
Marcopolo Viale Articulado Volvo B12M. Foto: Jaime Batista.
Marcopolo Torino 2007 Volkswagen 17.230 EOD. Foto: Jaime Batista.
Marcopolo Viale Articulado Volvo B12M. Foto: Jaime Batista.
Segundo noticiários da cidade de Blumenal, o total de ônibus adquiridos chegam a 83 unidades. Como o total não bate com os ônibus da Leblon, conseguimos a informação de que o restante dos ônibus para completar o total citado, também virá de outra empresa de São Paulo, da falida Happy Play, que operava linhas municipais da capital paulista na zona leste:
Mascarello Gran Via 2011 B290R, operando pela Happy Play antes de ser descredenciada pela prefeitura de São Paulo. Foto: Gerson Oliveira.
Mascarello Gran Via 2011. Foto: Luiz Carlos Goes.

Mascarello Gran Via 2011 B290R, recebendo a pintura de Blumenal. Foto: Luiz Carlos Goes.
Interior do Mascarello Gran Via 2011. Foto: Luiz Carlos Goes.
Mascarello Gran Via 2011 B290R, recebendo a pintura de Blumenal. Foto: Luiz Carlos Goes.
Após o descredenciamento da empresa, várias unidades do modelo acabaram sendo encostados pela cidade, conforme o registro a seguir:
Ônibus com para choque rachado e roda com ferrugem. Foto: Everton Lopes.
Ônibus em uma rodovia do estado de São Paulo, na cidade de Embu das Artes.
Além desses ônibus que operaram pelas duas cidades do estado de São Paulo, a empresa Nossa Senhora da Glória também terá aparentemente, ônibus novo/semi novo do modelo Caio Apache Vip II:
Caio Apache Vip II Volvo B270F. Foto: Luiz Carlos Goes,
Caio Apache Vip II Volvo B270F. Foto: Luiz Carlos Goes,
Além desse, existem outros ônibus convencionais que faziam parte da Caravana Volvo, empresa que fabrica chassi de ônibus.

Fontes:
Blog do Jaime 
Facebook
ÔnibusBrasil.com  

+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

GTA BUS MAUA SA: Marcopolo Torino GV Nova Paulista

Olá pessoal que acompanham o GTA BUS MAUA SA;
Hoje trago uma edição feita em um modelo que operou na capital paulista.
Trata-se do Marcopolo Torino GV Scania F94 da Empresa de Ônibus Nova Paulista.
A empresa trouxe algumas unidades do modelo que operavam no Rio de Janeiro. Eles operaram um bom tempo, até serem aposentados.
Fiquem com as fotos e link para download:
FOTO REAL:

http://www.4shared.com/rar/J2KZO8wdba/marcopolo_torino_gv_-_nova_pau.html
FICHA DE DADOS:
Base lateral: Weverton Busmania / Filipe Anacleto
Base traseira e frontal: Roger BMT / Victor Negreiros (Master Editions)
Pneu: Weverton Busmania
Banco cobrador e catraca - Law 3D
Calota Scania: Thiago de Souza
Bancos, balaustres, cobrador, painel, outros detalhes e edição: Thiago de Souza
Pintura: Thiago de Souza (Agradecimentos ao Willian Sousa)
Instale pelo GGMM.
Substitua o DFT-30

+ skins futuramente!
Abraços
;)

sábado, 12 de abril de 2014

"Facts" Tentativa de assalto em Santo André provoca acidente com mortes

Um ônibus perdeu o controle na Avenida São Bernardo, em Santo André, e se chocou com dois carros e outro ônibus no início da tarde desta sexta-feira. 
Foto: André Henriques - DGABC.
Uma tentativa de roubo a passageiros de um ônibus provocou um grave acidente que resultou na morte de ao menos três pessoas e deixou outra em estado grave no início da tarde desta sexta-feira (11), em Santo André, no ABC, de acordo com informações do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar e da assessoria de imprensa do município.

Por volta das 12h, um homem teria anunciado o roubo dentro de um coletivo na Avenida São Bernardo, na altura da Rua Saracanta, no Jardim Guarara, em Santo André. O motorista, em seguida, perdeu a direção do veículo e provocou o acidente, envolvendo outro ônibus e dois carros, segundo os bombeiros.
Imagens feitas por um morador mostram um dos carros completamente destruído. Dentro dele estavam Wladimir Teixeira Pinto, de 43 anos, a mulher dele, Célia Aparecida Daniel, também de 43 anos, e as duas filhas.

Nove equipes do Corpo de Bombeiros foram enviadas ao local para o resgate. Três vítimas foram encaminhadas ao Centro Hospitalar de Santo André. O casal não resistiu aos ferimentos e morreu. A filha mais nova foi submetida a cirurgia e encontra-se na UTI em estado gravíssimo, segundo informou a Secretaria Estadual de Saúde. Já a filha mais velha foi levada para o Hospital Mario Covas, e faleceu neste sábado (12).

O suspeito de roubo foi detido pelos passageiros do ônibus. Ele sofreu uma tentativa de linchamento antes de ser entregue a policiais militares. A ocorrência foi registrada no 6º distrito policiai de Santo André.


 
Fonte: G1

+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

terça-feira, 8 de abril de 2014

"Facts" Permissões com intermunicipais do ABC são prorrogadas por mais seis meses

Permissões a empresas do ABC são prorrogadas por mais seis meses. Neste período, EMTU pretende realizar licitação da área 5, das linhas intermunicipais.
Ônibus intermunicipal do Grupo de Baltazar. EMTU renovou permissões por mais seis meses até concluir licitação da área 5. Foto: Adamo Bazani
ADAMO BAZANI – CBN
As empresas de ônibus que prestam serviços intermunicipais no ABC Paulista tiveram as permissões renovadas por mais seis meses.
O prolongamento do tempo de atuação das companhias foi publicado no Diário Oficial do Estado, edição de sábado, 5 de abril.

Neste período, a EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos pretende concluir a licitação da chamada Área 5,que envolve as sete cidades da região: Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.
Todas as outras quatro áreas da Região Metropolitana, contando com 39 municípios menos os do ABC, foram licitadas. Os serviços foram organizados, as linhas tiveram readequações e a frota foi renovada, contando com veículos dotados de acessibilidade para deficientes físicos.

No ABC, a EMTU tenta sem sucesso realizar a licitação desde 2006, quando também concluiu as concorrências nas outras áreas, por interferência dos empresários da região.
As operações no ABC contrariam a Constituição Federal de 1988 e a Lei de Licitações 8.666/93 que determinam que todo o serviço público prestado por empresas privadas seja regido por contratos assinados depois de processo de concorrência que escolha a melhor proposta técnica e o menor preço.
Desta vez, o empecilho era a situação financeira, jurídica e fiscal do Grupo BJS, do empresário Baltazar José de Sousa.

Por causa de dívidas fiscais e trabalhistas da Soltur – Solimões Transportes e Turismo, de Manaus, a Justiça do Amazonas iniciou processo de recuperação judicial de 33 empresas de Baltazar. Entre elas, as que operam linhas intermunicipais no ABC: E.A.O.S.A. – Empresa Auto Ônibus Santo André, Viação São Camilo, EUSA – Empresa Urbana Santo André e Viação Ribeirão Pires Ltda.

Até então, a defesa de Baltazar tinha conseguido impedir a licitação sob o argumento de que se as empresas não conseguissem ficar no sistema teriam as finanças prejudicadas e isso atrapalharia o processo de recuperação judicial.
Mas na última sexta-feira, dia 04 de abril, a Justiça do Amazonas autorizou a EMTU prosseguir com a licitação.

Apesar das expectativas serem de melhoria nos serviços, os contratos desta licitação devem ser menos exigentes para com as empresas. Isso porque devem ter duração de até dois anos. Em 2016, a EMTU deve licitar novamente as outras quatro áreas e deve incluir a área 5. Assim, exigências como idade da frota e investimentos em tecnologia devem ser menores.

Hoje as linhas intermunicipais do ABC Paulista possuem a maior idade da frota da Região Metropolitana, com 9 anos em média. O número de veículos acessíveis é menor em relação às outras áreas e algumas empresas, em especial as do Grupo BJS, figuram entre as piores prestadoras de serviço do Estado, com as notas mais baixas no IQT – Indice de Qualidade do Transporte, da EMTU.

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.
 
+ informações futuramente!
 
"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

sexta-feira, 4 de abril de 2014

"Facts" Justiça libera licitação da área 5 da EMTU e Baltazar perde recurso

Justiça libera licitação da área 5 da EMTU. Certame deve ser lançado até o final deste mês e envolve o ABC Paulista.
Caio Foz da Viação Ribeirão Pires. Micro-ônibus operou nas linhas municipais de Mauá antes de ir para a empresa.
ADAMO BAZANI – CBN
A 5ª Vara Cível da Comarca de Manaus – AM decidiu nesta sexta, dia 04 de abril de 2014, que a EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos pode realizar a licitação da área 5, correspondente às linhas intermunicipais do ABC Paulista.

Desde 2006, a EMTU tenta licitar a região.
Desta vez o empecilho era a situação jurídica das empresas de Baltazar José de Sousa. Trinta e três companhias do empresário estão em recuperação judicial entre elas a EAOSA- Empresa Auto Ônibus Santo André Ltda, Viação Ribeirão Pires Ltda, Viação São Camilo e Empresa Urbana Santo André – EUSA, que têm linhas intermunicipais na região.

A defesa de Baltazar alegava que a licitação poderia tirar as empresas de circulação impactando as finanças do Grupo BJS – Baltazar José de Sousa e consequentemente o processo de recuperação judicial.
A decisão foi dada pela Justiça do Amazonas porque o processo de recuperação judicial tem origem na empresa de Baltazar Soltur – Solimões Turismo, que atuava em Manaus.
A EMTU promete, a partir desta decisão, realizar os últimos ajustes para a publicação do edital ainda neste mês de abril.

Segundo nota da EMTU, a licitação deve melhorar a qualidade dos serviços da região:
“No momento, 18 empresas atuam no transporte metropolitano da região. O objetivo principal do novo processo licitatório é garantir a melhoria da qualidade do serviço prestado à população com a definição de regras mais claras, previstas em contrato, em relação aos direitos e obrigações do operador que vencer a concorrência pública. Além disso, haverá exigências em relação à renovação da frota em operação, propiciando mais conforto, regularidade na operação das linhas metropolitanas e acessibilidade às pessoas com deficiência.”

Adamo Bazani, jornalista da Rádio CBN, especializado em transportes.

+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

quarta-feira, 2 de abril de 2014

GTA BUS MAUA SA: Marcopolo Paradiso G6 Tahuana Turismo

Olá pessoal que acompanham o GTA BUS MAUA SA:
Hoje trago uma pintura de um ônibus que fazia fretamento pela região.
Trata-se do Marcopolo Paradiso G6 1200 HD Volvo B10R da Tahuana Turismo, que tinha sua sede em Ribeirão Pires.
Sobre o ônibus, ele acabou sendo vendido depois de operar anos pela empresa, que teve boa parte da sua frota repassada para a Opinião Turismo.
Fiquem com as fotos e link para download:
FOTO REAL:

http://www.4shared.com/rar/yPy4vJvVce/Marcopolo_Paradiso_G6_-_Tahuan.html

FICHA DE DADOS:
Autor do modelo: Vega
Conversão e Ajustes: Neee°
Lanternas 3D: Neee°

Ediçoes no Paradiso feitas por: Gustavo - GTA BUS RS  
Pintura: Thiago de Souza
Instale pelo GGMM.
Substitua o Bus!
 
+ skins futuramente!
Abraços

terça-feira, 1 de abril de 2014

"Facts" Licitação do transporte público de Mauá está atrasada e marcada por incertezas

Licitação dos Transportes em Mauá está atrasada e é marcada por incertezas e receio de novos empresários. Concorrência ainda não despertou interesse de empresários pelo histórico de insegurança jurídica na cidade. Suzantur deve participar e permanecer.
Passageiros embarcando em um ônibus alimentador da Suzantur no Terminal Zaíra.
ADAMO BAZANI – CBN
Neste dia 1º de abril, a audiência pública sobre a possível licitação dos transportes em Mauá, na Grande São Paulo, completa 47 dias, mas na prática não houve nenhum avanço no processo, apesar das diferentes datas prometidas pelo prefeito Donisete Braga, do PT.

No dia 12 de fevereiro, o secretário de mobilidade urbana, Paulo Eugênio Pereira, que deixa a pasta para concorrer ao cargo de deputado estadual pelo PT de São Paulo, mesmo partido de Donisete Braga, em audiência pública na Câmara Municipal de Mauá disse que o edital estaria pronto no início de março. No lugar de Paulo Eugênio, assume a pasta de transportes e trânsito, Azor Albuquerque, assessor e integrante do mesmo grupo de Paulo Eugênio.

Dias depois da audiência, o prefeito Donisete Braga disse que o edital estaria pronto em 05 de março. A data não se confirmou e Donisete Braga falou então no dia 20 de março, o que também não ocorreu.
A reportagem do Blog Ponto de Ônibus apurou que o histórico de conflitos em torno do controle dos transportes em Mauá e a insegurança jurídica na cidade têm feito com que empresários do setor que não atuam no ABC não se interessem pela licitação até o momento.

“O que a prefeitura fez com a empresa Leblon não deixa os empresários seguros para tentarem investir em Mauá, a não ser quem é da região mesmo. Vai que eu assino um contrato, invisto e, de repente, aparece uma situação da prefeitura e eu tenho de sair” – opinou um empresário da Grande São Paulo, que pediu para não ser identificado.

Para continuar lendo, clique aqui.

+ informações futuramente!
 
"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

sexta-feira, 28 de março de 2014

"Facts" Quinta e última plenária sobre Mobilidade Urbana foi realizada entre os Jardins Primavera e Camila

Cerca de 170 pessoas participaram da última reunião sobre o tema, na Escola Guimarães Rosa.
Discurso do prefeito Donisete Braga para os moradores presentes na plenária..
Nesta quinta-feira (27), a quinta plenária da Mobilidade, realizada na Escola Municipal Guimarães Rosa, reuniu 170 pessoas para discutir projetos e apresentar propostas para a área. Foi o último dos encontros organizados pela Prefeitura para iniciar o processo de elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. 

Donisete Braga se dirigiu à população destacando as principais ações do governo municipal em várias áreas. “Em 2014 garantimos 450 milhões de reais em investimentos para a cidade. Nosso desafio é sempre fazer mais com menos, e a gestão tem se empenhado em buscar formas de incentivar o crescimento. No transporte coletivo, sabemos que Mauá tem um sistema dos mais rentáveis para os empresários, e por isso queremos que o serviço oferecido à população seja o melhor. Vamos construir um novo modelo para a área com a ajuda de todos vocês”, sublinhou o prefeito. Presente à reunião, o deputado federal Hélcio Silva elogiou o processo de discutir o plano com os cidadãos. “Governar com a participação da população é sempre a melhor fórmula”, comentou.

O secretário da pasta, Paulo Eugênio, explicou a necessidade de fazer o plano. Além de definir prioridades para ação na área, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana é uma exigência legal definida pela lei federal 12.587, de 3 de janeiro de 2012, e auxilia a Administração na captação de recursos públicos. Após a participação popular nas plenárias, será redigido um plano preliminar que será revisado com a colaboração dos delegados eleitos nas plenárias. A previsão é que o documento esteja finalizado em fevereiro de 2015.

Quando o microfone foi aberto à população, os participantes apresentaram várias sugestões para as necessidades do bairro, que foram anotadas pela equipe da secretaria da Mobilidade Urbana. Ao final, 10 delegados foram escolhidos para representar a região. Os eleitos foram: Marcos Ahlers Nascimento, Maria do Socorro, Walter Eduardo Pires Ferreira, Rosalino Senziani Filho, Guilhermino Braz de Freitas Lima, Rodrigo Garcia Pedro, Antonio Bras Bughi, Luan Veras Xalega, Augusto Rogério Tripolini e Roseli Aparecida Inácio.

Ao fim da reunião, o secretário Paulo Eugênio comemorava o resultado das plenárias. “Nos cinco encontros reunimos cerca de 780 pessoas, sendo que 539 se inscreveram para participar. Foram 40 delegados eleitos, que nos surpreenderam com a qualidade das propostas e com a conscientização sobre o assunto”, disse.

Paulo observa que alguns temas marcaram todas as reuniões: “A necessidade de mudar as calçadas da cidade e de aumentar a educação no trânsito e a capacitação do pessoal do transporte coletivo foram reivindicações recorrentes”, apontou. O secretário não tem dúvidas sobre o saldo positivo da empreitada. “Foi a primeira vez que a cidade se movimentou para discutir esse tema específico. Fiquei surpreso e feliz com a mobilização, e tenho certeza de que essa iniciativa vai contribuir para melhorar o sistema”, encerrou.


Fonte: Prefeitura de Mauá

MULTIMÍDIA:
FOTOS: http://www.flickr.com/photos/prefeituramaua/sets/72157643054191413/
 
+ informações futuramente!


"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

quarta-feira, 26 de março de 2014

"Facts" Quarta plenária sobre Mobilidade Urbana foi realizada na Vila Magini

Reunião foi marcada por ampla participação popular e boas sugestões.
Momento em que uma moradora estava dizendo uma proposta para os presentes.
A quarta plenária da Mobilidade Urbana, realizada nesta terça-feira (25) na CEMEI Cleberson da Silva, movimentou a população da Vila Magini e arredores. “Foi sem dúvida a melhor reunião que realizamos, a que teve maior participação e maior número de propostas”, elogiou o secretário de Mobilidade Urbana, Paulo Eugênio Pereira.

O encontro levou 115 pessoas à escola, dispostas a discutir o tema que é dos mais importantes para a cidade. Dessa vez, a plenária contou com a participação do secretário de Planejamento Urbano, José Afonso Pereira, que explicou brevemente como funciona o Plano Diretor da cidade. “É como numa casa, em que toda a família precisa combinar como vai gastar o dinheiro que recebe. Na cidade, o Plano Diretor faz essa organização geral, que dá as diretrizes para cada secretaria fazer seus planos detalhados, investindo no que é necessário”, disse. Afonso lembrou que o processo de implantar projetos na esfera pública nem sempre é fácil. “Às vezes o que agrada um grupo desagrada a outro, é preciso ouvir a população para decidir o que é melhor para a maioria”, comentou.

O secretário Paulo Eugênio explicou mais uma vez o processo para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana, destacando a importância da iniciativa da administração de Mauá: “Normalmente as cidades contratam uma empresa que elabora o plano sem ouvir a população. Nós fizemos o contrário, decidimos que era importante contar com a participação dos munícipes para identificar melhor o que é necessário fazer”.

Após as plenárias no mês de março, com eleição proporcional de delegados, será elaborado o plano preliminar, que contará com sugestões e revisões até a publicação do documento definitivo, prevista para fevereiro de 2015. Além de definir prioridades para ação na área, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana é uma exigência legal definida pela lei federal 12.587, de 3 de janeiro de 2012, e auxilia a Administração na captação de recursos públicos.

Após os pronunciamentos, os presentes conheceram os projetos que a Prefeitura está desenvolvendo, e em seguida o microfone foi aberto para o público. Todos os participantes se mantiveram focados no tema da mobilidade, com várias ideias surgindo a cada intervenção. Ao final, foram eleitos onze delegados para ajudar na elaboração do Plano Municipal de Mobilidade: William da Silva Novaes, Rafael Ribeiro da Rocha, Antonio Sidério dos Santos, Deusdedih Francisco de Souza, Gleucimaria Gonçalves Pena, João Batista de Paulo Lopes, Álvaro Costa Oliveira, José Maria Ferreira, Iristeu Gomes Barbosa, Emerson José da Silva e Márcia Cristina Barbosa.

Eleito delegado, Rafael Ribeiro da Rocha, de 23 anos, chegou à reunião cheio de ideias. Aproveitando a experiência de ter vivido no exterior – morou por sete meses no Canadá --, o jovem apresentou várias propostas, como a sugestão de que os novos empreendimentos imobiliários sejam obrigados a cumprir as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) ao construir suas calçadas, para garantir passeios adequados aos pedestres. “Eu gosto muito do tema da mobilidade. Acho que todo mundo deveria se importar e participar, mas as pessoas normalmente só reclamam, não fazem mais nada”, pontuou. O novo delegado, morador do Jardim Primavera, conta que há muito tempo tem o costume de dar ideias para melhorar a vida na comunidade. “Desde meus 10 anos sou assim, participo sempre que posso”, afirma.

Donisete Braga reforçou o compromisso da administração com o futuro da cidade. “Mauá está crescendo rapidamente, o rodoanel atrai muitas empresas para cá, há mais pessoas circulando, e tudo isso se reflete no trânsito. Não faltará luta nem determinação para fazermos do município um lugar melhor”, garantiu.
A última plenária será promovida na próxima quinta-feira, 27, com a reunião dos Jardins Primavera e Camila, na Escola Municipal Guimarães Rosa, Bairro São Jorge do Guapituba. 

Fonte:Prefeitura de Mauá

MULTIMÍDIA:
FOTOS:  http://www.flickr.com/photos/prefeituramaua/sets/72157642929509734/
 
+ informações futuramente!
 

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

sábado, 22 de março de 2014

"Facts" Terceira plenária sobre Mobilidade Urbana foi realizada no Jardim Canadá

Prefeitura apresenta projetos para a área e incentiva a participação popular.
Prefeito de Mauá, Donisete Braga, discursando para os moradores da região.
Na sexta-feira, a terceira reunião plenária da Mobilidade Urbana teve como cenário o Jardim Canadá, direcionada à população do Eixo Barão. Foi mais um dia de chuva intensa, mas o povo não se intimidou, e marcou presença no encontro com os representantes do governo municipal, interessado em conhecer os projetos que a administração quer implementar na cidade. A Escola Municipal Galdino Jesus dos Santos recebeu mais de 100 pessoas, sendo que 98 se inscreveram para participar da discussão.

Em sua fala inicial, o prefeito Donisete Braga voltou a destacar o empenho da administração em implementar planos e desenvolver projetos para melhorar todas as áreas da cidade. “Podemos dizer que 2013 foi um ano de planejamento. Fizemos muitas reuniões com o governo federal para estruturar projetos e ações, e agora começamos a tirá-los do papel”, destacou.  

 O secretário de Mobilidade Urbana, Paulo Eugênio Pereira, mais uma vez à frente da reunião, voltou a explicar o processo para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. Após as plenárias no mês de março, com eleição proporcional de delegados, será elaborado o plano preliminar, que contará com sugestões e revisões até a publicação do documento definitivo, prevista para fevereiro de 2015. 

Além de definir prioridades para ação na área, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana é uma exigência legal definida pela lei federal 12.587, de 3 de janeiro de 2012, e auxilia a Administração na captação de recursos públicos.

Após os pronunciamentos do prefeito, de Paulo Eugênio e de outros secretários, foram apresentados os projetos para a mobilidade em Mauá, e em seguida a participação popular foi aberta. Algumas sugestões foram apresentadas para resolver problemas pontuais da região, e em seguida foram eleitos seis delegados para ajudar na elaboração do Plano Municipal de Mobilidade. Os escolhidos da noite foram Matheus Cuer Oliveira, Fátima Suely Bertolucci, Paulo Sérgio Oliveira, César Augusto Ferreira, José Carlos Cabral e Antônio Carlos Ferreira.

As próximas plenárias serão as seguintes:
Dia 25/03/2014 às 19h - Vila Magine
Local: CEMEI Cleberson da Silva - Rua da Pátria, 237, Vila Magine

Dia 27/03/2014 às 19h - Jardim Primavera/Camila
Local: Escola Municipal Guimarães Rosa - Rua Dr. Ariocy R. Costa, 75, São Jorge do Guapituba


Fonte: Prefeitura de Mauá
 
MULTIMÍDIA: 
FOTOS: http://www.flickr.com/photos/prefeituramaua/sets/72157642715485394/  

+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

sexta-feira, 21 de março de 2014

"Facts" Segunda plenária sobre Mobilidade Urbana foi realizada no Parque das Américas

Moradores do bairro acompanharam a apresentação dos projetos da Prefeitura para a área.
Prefeito Donisete Braga discursando para os moradores presentes no Parque das Américas. Foto: Roberto Mourão - PMM.
A segunda reunião plenária da Mobilidade Urbana foi realizada nesta quinta-feira, 20, no Parque das Américas. A chuva que caiu na cidade no início da noite não desencorajou os moradores do bairro, que compareceram em grande número à Escola Municipal Ana Augusta de Souza para participar do processo que levará à elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana.

Foram 141 os munícipes que se inscreveram para participar da reunião, que começou com o pronunciamento do prefeito Donisete Braga. Recém chegado de uma viagem a Brasília, ele comentou que as plenárias servem para compartilhar o que a administração pensa para o futuro da cidade. “Ouvir a população é a melhor forma de construir um modelo ainda melhor”, disse.

Além de destacar as propostas da prefeitura para melhorar a mobilidade, o prefeito também falou sobre outros projetos que serão desenvolvidos na cidade, e citou especificamente o Parque das Américas: “Em maio vamos inaugurar o primeiro CEU das Artes do ABC aqui no bairro”, anunciou.  

Plano Municipal de Mobilidade - O secretário de Mobilidade Urbana, Paulo Eugênio Pereira, que mais uma vez esteve à frente da reunião, voltou a explicar o processo para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. Após as plenárias no mês de março, com eleição proporcional de delegados, será elaborado o plano preliminar, que contará com sugestões e revisões até a publicação do documento definitivo, prevista para fevereiro de 2015. Além de definir prioridades para ação na área, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana é uma exigência legal definida pela lei federal 12.587, de 3 de janeiro de 2012, e auxilia a Administração na captação de recursos públicos.

Também falaram no encontro o secretário de Governo, Edilson de Paula, e  o secretário de Relações Institucionais, Rômulo Fernandes. Ambos ressaltaram que ouvir a população é uma das principais marcas do atual governo.

Após as falas dos secretários, foram apresentados os projetos para a mobilidade em Mauá, e em seguida a participação popular foi aberta, e vários moradores do bairro elogiaram a iniciativa de discutir um assunto tão urgente para melhorar a qualidade de vida dos munícipes. Um dos que se pronunciaram foi Edson Lobato, presidente da Associação Mauaense de Assistência e Apoio aos Deficientes Visuais, que defendeu a realização de uma campanha de conscientização dos moradores e comerciantes sobre a necessidade de mudanças nas calçadas da cidade. “Às vezes sou obrigado a andar pela rua por causa do estado das calçadas, cheias de rampas e degraus. Acho que o processo de mudança passa pela educação da população”, comentou.

Além de discursar, Edson foi um dos seis escolhidos como delegados na noite, e fará parte do grupo que ajudará a dar a cara final ao Plano Municipal de Mobilidade. Além dele, foram eleitos Ana Célia Cruz, Jandira Reche Pinto, Marcos Rogério da Silva, Luis Lisboa e Luis Antonio do Carmo.

As próximas plenárias serão as seguintes:
Dia 21/03/2014 às 19h - Eixo Barão
Local: Escola Municipal Galdino Jesus dos Santos - Rua João Batista Pantano, 180, Jardim Canadá

Dia 25/03/2014 às 19h - Vila Magine
Local: CEMEI Cleberson da Silva - Rua da Pátria, 237, Vila Magine

Dia 27/03/2014 às 19h - Jardim Primavera/Camila
Local: Escola Municipal Guimarães Rosa - Rua Dr. Ariocy R. Costa, 75, São Jorge do Guapituba


Fonte: Prefeitura de Mauá

MULTIMÍDIA:
FOTOS: http://www.flickr.com//photos/prefeituramaua/sets/72157642663870863/show/

+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

quarta-feira, 19 de março de 2014

"Facts" Primeira plenária sobre Mobilidade Urbana foi realizada no Jardim Zaíra

Reuniões sobre Mobilidade Urbana é uma forma de interação entre o governo e a população.
Secretário de Mobilidade Urbana Paulo Eugênio apresentando a plenária, ao lado do prefeito Donisete Braga.
Começaram nesta quarta-feira, dia 18, as reuniões plenárias para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana. O encontro realizado na Escola Municipal Therezinha Leardini Branco, no Jardim Zaíra, é o primeiro de uma série de cinco previstos, nos quais o povo está sendo chamado a participar e discutir, apresentando propostas para melhorar o ir e vir na cidade.

Cerca de 100 pessoas participaram da plenária, 66 inscritas para votar e apresentar propostas. Na abertura da reunião, o prefeito de Mauá, Donisete Braga, ressaltou que busca o pleno diálogo com a população. 

“Queremos incentivar o comprometimento dos cidadãos, que pagam impostos e esperam o retorno. Quando o governo chama a população para discutir, além de abrir espaço para novas ideias, também melhora a relação da administração com o público”, disse.

O chefe do Executivo também enumerou as ações que o governo tem realizado em várias áreas e os projetos para melhorar a mobilidade urbana, notadamente no transporte público. “Conseguimos encerrar um ciclo de 5 anos, uma disputa judicial que vinha desde 2008 e impedia a cidade de controlar o sistema de transporte coletivo. Agora retomamos esse direito, e queremos implantar um sistema de qualidade, como o povo de Mauá merece”, destacou.

Plano Municipal de Mobilidade - O secretário de Mobilidade Urbana, Paulo Eugênio Pereira, explicou como será o processo para a elaboração do Plano Municipal de Mobilidade Urbana e apresentou o cronograma de atividades. Após as plenárias no mês de março, com eleição proporcional de delegados, será elaborado o plano preliminar, que contará com sugestões e revisões até a publicação do plano definitivo, prevista para fevereiro de 2015. Além de definir prioridades para ação na área, o Plano Municipal de Mobilidade Urbana é uma exigência legal definida pela lei federal 12.587, de 3 de janeiro de 2012, e auxilia a Administração na captação de recursos públicos.

Paulo Eugênio enfatizou a importância da participação popular. “Nesses encontros podem surgir ideias para melhorar o processo. Por isso é essencial que as pessoas participem, falem, não tenham vergonha de expor suas sugestões. Estamos aqui para pensar no futuro de Mauá”, comentou.

Após as explanações do prefeito e dos secretários foi aberta a participação popular. Vários moradores apresentaram sugestões. Ao fim, foram eleitos seis delegados, que irão colaborar com a redação final do plano. Os escolhidos foram Sandra Moreira Beja, Márcia Regina Marques, Carlos Alberto Paulo dos Angelos, Antonio Hernani Martins Sales, Donisete Aparecido Luiz e William Alves de Oliveira.

As próximas plenárias serão as seguintes:
Dia 20/03/2014 às 19h - Parque das Américas
Local: Escola Municipal Ana Augusta de Souza - Rua Cuba, 380, Parque das Américas

Dia 21/03/2014 às 19h - Eixo Barão
Local: Escola Municipal Galdino Jesus dos Santos - Rua João Batista Pantano, 180, Jardim Canadá

Dia 25/03/2014 às 19h - Vila Magine
Local: CEMEI Cleberson da Silva - Rua da Pátria, 237, Vila Magine

Dia 27/03/2014 às 19h - Jardim Primavera/Camila
Local: Escola Municipal Guimarães Rosa - Rua Dr. Ariocy R. Costa, 75, São Jorge do Guapituba


Fonte: Prefeitura de Mauá

MULTIMÍDIA:



FOTOS: http://www.flickr.com/photos/prefeituramaua/sets/72157642569776463/
Jornal da Prefeitura de Mauá.
Jornal da Prefeitura de Mauá.
Jornal da Prefeitura de Mauá.
+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"

segunda-feira, 17 de março de 2014

"Facts" Goteiras no Terminal Central de Mauá e confusão na linha do Boa Vista

Enquanto as calhas da cobertura do Terminal Central estão com problemas, a linha do Boa Vista teve duas mudanças no mesmo dia.
Plataforma 1 do Terminal Central de Mauá teve vários pontos de goteiras durante a chuva da tarde de segunda feira(17).
A segunda feira, dia 19 de março de 2014, foi um pouco complicada para quem utiliza o transporte público municipal. O lado A do Terminal Central de Mauá e a linha 087 - Boa Vista foram os assuntos do dia.
A Suzantur, empresa que opera de forma emergencial boa parte das linhas municipais de Mauá, desde sábado, está operando mais quatro linhas: 072 - Nova Mauá, 087 - Boa Vista, 091 - Parque das Américas e 101 - Itapark.
No mesmo sábado, a linha do Boa Vista começou a passar dentro do Terminal Zaíra sentido centro. Mas na manhã desta segunda, a empresa modificou a linha, fazendo ela virar uma alimentadora. O resultado não foi um dos melhores:
Foto: MauáProblem, da rede social Facebook.
O registro feito acima, por volta das 06:00 no Terminal Zaira, sentido centro, mostrou o resultado de mais uma linha alimentadora, de alta demanda, parando no local e tendo apenas as linhas 080 - Expresso Terminal Zaíra e 084 - Zaíra 4 para o centro. Houve bate boca e um princípio de tumulto no local, além da insatisfação dos passageiros.
Mas essa mudança durou apenas horas. Na parte da tarde, a empresa resolveu colocar a linha de volta para o Terminal Central:
Caio Apache Vip II da Suzantur no Terminal Central de Mauá, operando na linha 087 - Boa Vista.
Enquanto a linha do Boa Vista estava com a situação resolvida, outro problema ainda persiste: as goteiras no lado A do Terminal Central de Mauá.
Durante a chuva da tarde, várias partes da cobertura estavam com goteiras pequenas, médias e grandes, conforme o vídeo a seguir:

+ informações futuramente!

"Busologia Mauá, informações e GTA da cidade!"